Quais os principais benefícios sociais e trabalhista

Como trabalhador ativo todos possuímos direito a ter acesso a alguns benefícios. Além do salário pago há dois tipos de benefícios divididos entre sociais e trabalhistas. Conheça cada um e saiba quais são obrigatórios ou não. 

Os principais benefícios sociais

A maior parte das empresas costuma oferecer a seus contratados o que se chama “pacote de benefícios”. Eles podem ser de cunho social ou trabalhista. Os trabalhistas são obrigatórios por lei de acordo com a Consolidação das Leis de Trabalho, os sociais não. 

Um benefício social ofertado a um funcionário pode ser classificado em recreativo(lazer), supletivos(extras em nada vinculados com sua função) e assistenciais(para melhorar a qualidade de vida do funcionário). Os principais benefícios sociais ofertados são:

Assistência médica – nenhuma empresa é obrigada a ofertar plano de saúde, mesmo sendo comum no mercado. Plano de saúde e odontológico são considerados itens extras de agrado para cuidar da saúde do trabalhador. Pode haver desconto na folha de pagamento mas nunca mais que 5%. 

Reembolso de medicamento – as grandes empresas ajudam o funcionário cobrindo os custos com remédios de uso contínuo. É preciso apresentar a receita médica e com renovação constante para poder ter direito ao benefício, com reembolso no salário ou conta bancária.

Clube de campo – muitas empresas ofertam associação exclusiva para funcionários em clubes. São grandes exemplos o Banco do Brasil, Sesc, Caixa Econômica Federal, mas há muitas outras. É uma forma de ajudar a melhorar a qualidade de vida dos contratados. 

Seguro de vida e previdência privada em grupo de funcionários – os fundos de investimentos fazem este tipo de investimento coletivo tanto para ajudar no lucro do fundo como garantir uma melhor aposentadoria para os funcionários. Um dos exemplos é a BB Previ do Banco do Brasil, previdência privada apenas de funcionários. O Banrisul e outros bancos possuem, assim como empresas.

Pagar cursos de formação e capacitação – é um extra muito apreciado. Algumas empresas investem em cursos de pós graduação e mestrado visando ter um funcionário muito mais capacitado e executando melhor a sua função. 

Os principais benefícios trabalhista

Com os benefícios trabalhistas não existe outra forma: a empresa precisa fornecer. São garantidos por lei e o descumprimento gera multa para a empresa e pagamento retroativo ao funcionário. Os principais são:

Vale transporte – nenhum trabalhador deve pagar para se deslocar de sua casa para o trabalho. Por isso em alguns anúncios de vaga o contratante já informa qual o valor máximo disposto a pagar com transporte.

Vale refeição – auxiliar com a cesta básica mensal (vale alimentação) é um extra, mas o vale refeição é obrigado para uma carga horária superior a seis horas. O valor deve cobrir uma refeição de acordo com a cidade ou região. 

Férias remuneradas – ao menos uma vez a cada 12 meses o empregado pode parar por 30 dias corridos para uma folga. A melhor data para essa pausa acontecer pode ser negociada entre empregador e empregado, mas não deixando acumular duas férias.

Décimo terceiro salário – o mesmo valor pago ao longo dos 12 meses de trabalho deve vir no fim do ano. Mas a empresa pode dividir o pagamento em até três vezes.

FONTE: http://xn--cartocidado-c8ag.com/extrato-fgts-2018/